Pular para o conteúdo principal

Postagens

SescTV estreia novas vinhetas de classificação indicativa em libras, feitas com pessoas surdas

Postagens recentes

A aids é tema de três documentários no SescTV

As produções irão ao ar no Dia Mundial de Luta contra a Aids(1º de dezembro) Documentário: Aids 30 anos: As Respostas das ONGs no Mundo. Semi Bertine. Foto: Frame divulgação.

O SescTV exibe no Dia Mundial de Luta contra a Aids (1º de dezembro) documentários que abordam a síndrome e o vírus HIV. Às 11h,Aids: as Respostas das ONGs no Mundo! (2014, 40 min.), dirigido por Pedro J. Duarte, mostra os bastidores da 20ª Conferência Internacional de Aids em Melbourne, realizada em 2014;  e às 16h, Aids 30 anos: As Respostas das ONGsno Mundo( 2012, 52 min.) dirigido por Alcinone Alves, discute as mudanças que vem acontecendo no comportamento das pessoas e nas políticas públicas de saúde a partir do reconhecimento do vírus HIV há mais de três décadas. Estas duas produções têm concepção e entrevistas de Roseli Tardelli.  Às 23hMemórias Contemporâneas apresenta o filme Derek, (2008, 78 min.), dirigido pelo cineasta londrino Isaac Julien, que faz uma homenagem ao importante cineasta britânico Derek…

Espetáculo narra a história da escritora Conceição Evaristo na Oficina Cultural Alfredo Volpi

O trabalho tem trilha sonora ao vivo, unindo literatura e música
Uma das principais escritoras da literatura brasileira, Conceição Evaristo é homenageada no espetáculo Canto de vida e obra: Conceição Evaristo, que acontece no dia 30 de novembro, quinta-feira às 20h na Oficina Cultural Alfredo Volpi, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo gerenciada pela Poiesis. O trabalho do Coletivo Morabeza transforma a história da escritora em uma narrativa literária e musical. Encenado desde agosto de 2016, já foi apresentado em espaços como Sesc Santos, Itaú Cultural, Sesc 24 de Maio, entre outros.
Nascida em Belo Horizonte em 1946, Conceição Evaristo conciliou os estudos com o trabalho como empregada doméstica até concluir o curso Normal – habilitado para lecionar no ensino fundamental, em 1971, aos 25 anos. Mudou-se então para o Rio de Janeiro, onde passou em um concurso público para o magistério e estudou Letras na Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ. Também é mest…

Espetáculo RISKO debate a luta contra o machismo e racismo na sociedade

Uma mulher negra revive memórias de seus afetos pela cidade e, em meio a esse percurso, (re) descobre novas maneiras de (re) desenhar suas escolhas.

No dia 1º de dezembro, sexta-feira, às 20h, a Oficina Cultural Alfredo Volpi, instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, gerenciada pela Poiesis, faz uma apresentação única do espetáculo RISKO, que tem direção e atuação de Morgana Sousa. A peça é um diálogo direto entre a dança e a técnica light-painting (pintar com luzes), que mistura performance, luz, fotografia e audiovisual para compor a realidade da mulher negra com a rua e com seus afetos. A presença visual do machismo e do racismo, por meio das imagens, em união com os registros de pintura pela cidade refletem o dia a dia de Morgana, tanto em sua vida pessoal quanto profissional.
A proposta é construir a imagem de uma mulher negra resistente e forte, que luta diariamente para romper opressões e barreiras, as quais condicionam um comportamento social e estético. Dur…

Dicas do Ricardo Bernado, do Canal Vem pra Cá

Neste vídeo, aprenda a obter descontos através dos seus carões de débito ou crédito. Aproveite, clique no vídeo e siga o canal no YouTube!

[Começa hoje!] Participe do concurso "É coisa de preto" e tenha chance de publicar sua obra

É negro e escreveu um livro com protagonistas negros? Não perca a chance de participar desse projeto incrível da Rico Editora Quer ver seu livro publicado? Então não desperdice essa chance! Com o concurso cultural "É coisa de preto", a Rico editora está a procura de romances de escritores negros protagonizados por personagens também negros. O vencedor terá seu romance publicado. Cada participante, com obra já publicada ou não, poderá inscrever seu romance (adulto, infantil ou adolescente) a partir do dia 20 de novembro de 2017. A data de término do concurso acontece no dia 20 de janeiro de 2018, sendo aceitas postagens por e-mail até às 23h59. A obra vencedora será publicada na Bienal de São Paulo de 2018, com lançamento e autógrafos do autor. Confira o edital no site da editora: http://bit.ly/2AKP7ZM Serviço:
Concurso cultual É coisa de preto
Inscrições a partir de: 20/11/2017
Encerramento: 20/01/2018

Programação para o dia da consciência negra

As atrações vão ao ar no dia 20 de novembro

No Dia da Consciência Negra, 20 de novembro, o SescTV preparou uma programação especial com a temática negritude. São três documentários, três shows e um espetáculo de danças, que o canal apresenta a partir das 11h. (Assista também pela internet em sesctv.org.br/avivo).
Às 11h, o documentário Sotigui Kouyaté – Um Griot no Brasil - resultado da palestra Encontro com Sotigui Kouyaté e do workshop Práticas para uma Escuta, a Comunicação e a Sensibilidade, ocorridos em novembro de 2006, no Teatro Sesc Anchieta, em São Paulo -, mostra o ator e diretor africano, falecido em 2010, que fala sobre a memória de seu continente. O filme tem direção de Alexandre Handfest.
Às 12h, no show Homenagem a Wilson Simonal, os filhos Max de Castro e Simoninha interpretam composições que foram sucessos na carreira do pai, Wilson Simonal (1939 – 2000), como Sá Maria; Vesti Azul; Balanço na Zona Sul; Tributo a Martin Luther King; além de País Tropical, de Jorge Ben …